Fadiga e doenças inflamatórias intestinais

Você sabia que há uma relação entre a fadiga e a saúde intestinal?

A fadiga, por si só, pode ser o sintoma de várias doenças. Mas também pode ser o resultado de uma noite mal dormida ou um dia de grande esforço, uma má alimentação por exemplo.

A fadiga crônica, aquela que não passa sob hipótese alguma, pode levar a uma série de problemas, que inclui o mau desempenho na escola/trabalho, condução sonolenta de veículos e até a depressão. 

A fadiga é, muitas vezes, um sintoma associado a doenças inflamatórias do intestino (DII). As razões para os pacientes com DII se sentirem cansados incluem a má absorção das vitaminas e minerais da alimentação, distúrbios do sono, alteração de humor, mudança do hábito intestinal, uso de medicações para o tratamento dessas doenças inflamatórias intestinais e entre outros.

Alguns medicamentos que são utilizados para tratar as DII podem causar a fadiga. Um exemplo muito comum são os corticosteróides causando uma sensação de estarem mais agitados, o que torna difícil o descanso. Já outros medicamentos podem causar efeito contrário, a sonolência por exemplo.

Outro fator sobre as doenças inflamatórias intestinais é que outros sinais e sintomas podem afetar o sono, como as idas constantes ao banheiro, dores abdominais ou sudorese noturna e alterações de humor. 

As doenças inflamatórias do intestino provocam inflamação no intestino delgado e no cólon, geralmente, mas pode afetar todo o trato digestivo. O corpo tenta combater esta inflamação de várias formas, o que pode, muitas vezes, causar cansaço.

O tratamento, a longo prazo, tem por finalidade controlar os sintomas e a doença. Se o plano de tratamento for seguido à risca, o paciente pode conseguir melhorar a qualidade de vida de forma mais eficiente. O tratamento envolve suplementação, reposição de vitaminas e minerais necessárias, fitoterapia, manuseio de estresse, melhora da qualidade de sono e melhora dos hábitos alimentares,

A anemia também é um motivo bastante comum para a fadiga. Pessoas com DII podem ser anêmicas, quer devido à perda de sangue a partir do intestino (mais comum em casos de colite ulcerativa do que na Doença de Crohn), quer por uma deficiência de ferro decorrente de má absorção de nutrientes.

A má absorção de vitaminas e minerais também ocorre com frequência. Sem uma quantidade suficiente de ferro, ácido fólico e vitamina B12, o corpo não consegue produzir as células vermelhas do sangue. Tratar a causa da anemia, parando o sangramento e fazendo a suplementação com ferro e vitaminas do complexo B, é o melhor curso de ação para o tratamento da anemia associada a essas doenças.

Para combater a fadiga também é importante incluir a atividade física na rotina diária e comer alimentos saudáveis. Procurar terapia psicológica e nutricional também ajuda no processo. O paciente deve gerenciar os fatores psicológicos que geram fadiga, estresse, ansiedade e depressão.

Gostaria de saber
mais sobre o
tratamento?
Agende Sua Consulta
[wpdevart_facebook_comment facebook_app_id="2348685775181667" curent_url="https://dralarissadiniz.com.br/fadiga-e-doencas-inflamatorias-intestinais/" order_type="social" title_text="" title_text_color="#444444" title_text_font_size="16" title_text_font_famely="Cabin" title_text_position="left" width="100%" bg_color="#ffffff" animation_effect="random" count_of_comments="3" ]

O que achou do nosso conteúdo? Avalie:

Clique para Avaliar

Classificação Média 5 / 5. Contagem de Votos 25

Sem votos! Seja o primeiro!

Categorizado em:
Dra. Larissa Diniz
Médica, pós-graduada em Medicina Integrativa, Preventiva e Nutrologia, com experiência na área da Medicina da Saúde e do Estilo de Vida, tratando de doenças autoimunes, metabólicas, hormonais, crônicas e prevenção de doenças, sempre atuando na sua causa com uma Medicina Personalizada.

Pesquisar

searchclosedownloadmap-markerchevron-leftfacebook-squarebarsenvelopecomments-ostethoscopeinstagramwhatsappcalendar-check-ocross-circle linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram